Mistérios por Revelar...

Get Adobe Flash player

Navegação

Post-It




Aqui voçê vai encontrar-se com o insólito!

 Ovnis - Objectos Voadores não Identificados

Tema aqui  informação diversificada sobre UFOS/OVNIS, quer de âmbito nacional quer estrangeiro. Pode observar videos e muito outra informação acerca do assunto que de certo é um tema apaixonante.


  Fantasmas

Quem nos dias de hoje não terá medo de ir sozinho a um cemitério durante a noite ou até mesmo de dia? Porque sucederá isso, se os mortos não fazem mal? Não estará esse medo apavorante relacionado com a alma, segundo conceito geral, estará aí por perto noutro plano? Não será no funda das almas que temos medo?


  Triângulo das Bermudas

O Triângulo das Bermudas é porventura o lugar do mundo onde mais desaparecimentos se deram, quer de pessoas, quer navios ou aeronaves. O desaparecimento do vôo 19 (05Dez1945) será talvez, até hoje, um dos mais interessantes ali verificados, quer pela quantidade simultãnea de aviões  Grumman TBF Avenger desaparecidos (5), quer pela qualidade  técnica dos envolvidos...


 Outros assuntosHistórias de Fantasmas - T2 Ep. Nº 006

Os três tópicos acima referidos, são somente um pouco do muito que por aqui vai encontrar na área do insólito. Se o mistério aguça a sua curiosidade... está no sitio certo! 

EM DIRECTO


Tv do Centro de Ufologia

  • Click no texto acima,(a vermelho) e simultaneamente prima a tecla Ctrl do seu Computador para aceder á TV do Centro de Ufologia.


Fjfluz em

Últimas Visitas

Globo de Visitas

Clicks no Blog

 





See 10-Day Forecast


 




Circulos nas Colheitas 

Mais de 10.000 círculos nas colheitas foram registados em 30 países diferentes. 

Estas figuras são melhor observadas de um ponto mais alto, fazendo pouco sentido quando são observadas no nível da plantação.


Antes de iniciar a explanação própriamente dita deste assunto veja este video

Os círculos nas colheitas, no que diz respeito, à sua origem, permanece até hoje um mistério. A complexidade dos desenhos é muitissímo grande! para quem não está por dentro do assunto e pensa que são feitos por pessoas que resolveram pregar umas partidas ... só têem razão em parte. Facilmente se detecta uma fraude, até porque essas fraudes têem características muito diferentes dos chamados círculos "reais" até porque segundo os especialistas o crescimento do caule da planta dá-se de uma forma totalmente diferente depois dos círculos serem executados... 


Histórico 
Existe uma menção acerca dos circulos nas colheitas na literatura francesa antiga (por volta de 800d.C.). O Bispo de Lyon daquela época havia escrito sobre algo semelhante a um padre que assumia naquela altura a paróquia de Lyon. O conteúdo do manuscrito era basicamente advertir esse padre que estava a haver uma "adoração do diabo" por parte dos paroquianos locais e que eles estavam colecionando sementes de "círculos aplainados", usando-as para rituais de fertilidade.

O fenômeno continua nos dias de hoje e já foi observado em muitos países em todo o mundo, começando pela Inglaterra na década de 1970 ou Reino Unido, EUA, Itália, França, Suiça, Brasil, etc.. desde então foram sugeridas várias explicações que envolvem, desde acontecimentos naturais a visitas de extra-terrestres. De fato círculos nas plantações é um assunto recorrente na ufologia. Na cultura popular o assunto é muito explorado, sendo alvo de inúmeros filmes e livros.
Por exemplo no Brasil,tal fenômeno vem acontecendo principalmente no interior dos estados de São Paulo e Santa Catarina .
Os desenhos surgem inexplicavelmente em diversas regiões, mas com maior predominãncia em Inglaterra, mas já foram vistas em doze países, são desenhos altamente complexos e de grande simbolismo místico, como cruzes, estrelas, pentagramas, borboletas, formas  circulares e geométricas, matemáticas, animais (nomeadamente insetos), entre muitos outros.Doug Bower, Dave Chorley e John Lundberg sairam do anonimato e se tornaram conhecidos mundialmente por anunciar que eram os autores dos primeiros círculos conhecidos.


O que nos realmente sabemos a respeito desses Circulos?


Facto -> Sabemos da pesquisa científica em que os cientistas estão envolvidos que as genuínas formações são formadas por uma energia capaz de alterar a estrutura molecular da planta sem a danificar. Além disso, também é capaz de alterar a taxa de crescimento bem como o seu padrão.

Facto -> A energia envolvida parece ser benigna e que se saiba não é usada neste planeta.

Facto -> Algumas formações irradiam uma onda de aproximadamente 5.7 Hz no espectro eletromagnético.

Facto -> Ocorrem paralelamente ao avistamento de OVNIS.

Facto -> Mesmo após a colheita, a forma dos círculos tem permanecido na terra, em alguns casos, durante pelo menos seis         meses. Isto não pode ser conseguido por "formações na colheita" feitas por humanos.

Facto -> Em algumas das formações, as bússolas giram descontroladas, denotando uma anomalia magnética presente.

Facto -> A plantação fora da formação não exibe as mesmas características encontradas dentro do círculo.

Facto -> Não há nenhum nível de consistência. Em determinadas formações temos o factor som, as anomalias magnéticas e impressões no solo, mas isto não quer dizer que iremos encontrar as mesmas características na próxima formação.
Ainda assim, pode-se mostrar que os novos círculos fazem parte de uma formação genuína.

Facto -> Se nenhum ser humano entrar na formação, a colheita (plantação) continuará a crescer e o proprietário não vai perder qualquer grão.

Assim, o que temos nós? Lindos padrões geométricos nos campos que desafiam as nossas leis da lógica, da física e os argumentos. Mas eles continuam a aparecer por todo o mundo. Eles parecem ter um profundo efeito espiritual em todos os visitantes ou pesquisadores. Talvez, se nada mais houver, seja esta a razão maior da sua existência.

Como no cenário dos OVNIS, talvez exista um encobrimento com o fenômeno dos Círculos nas Colheitas, eles são um mistério que um dia a humanidade irá conhecer. A verdade está lá fora basta olhar e ver!



Na foto em cima, à direita, é possível observar as diversas alterações mágneticas (horária e anti-horária) dentro do círculo.                                                                              


Factores que determinam se um círculo é ou não artístico:


-Normalidade na irrigação da plantação.
-A ausência de qualquer vestígio de acção humana, como marcas de pneus, combustível, ou ferramentas cortantes.

-As plantas onde estão o círculo sofrem muitas vezes mutações a nível celular (os seus caules apresentam nós não condizentes com o crescimento normal).

-O perfil magnético registrado por um magnetômetro imita a forma real do círculo;

-São encontrados pequenos rastros de materiais magnético impregnados nas plantas;

-Alguns círculos nas plantações em especial apresentam isótopos não-naturais, que são sintetizáveis apenas em laboratório. Tais como telúrio, vanádio, bismuto, európio, e itérbio.

-As plantas afectadas,cresçem na horizontal em relação ao solo, apresentando deformação de crescimento junto aos nós em ângulos na ordem dos 120 graus, em lugar de crescerem em linha recta como seria normal e bem visível na foto abaixo. 

 

Notas Curiosas:

- Comprovadamente, são feitos sempre em questão de minutos. Há diversos relatos de pessoas que avistaram os locais onde aparecem as colheitas, e no espaço de 30 minutos, uma hora depois de deixarem o local, aparecem círculos que por vezes abarcam áreas de centenas de metros quadrados.





- Apesar do ponto anterior, é um facto que, onde quer que eles surjam, voltam a reaparecer, ou seja não são um fenómeno isolado. Custa a crer que se fosse um grupo de pessoas com algum tipo de objectivo absurdo, eles aparecessem sempre justamente onde as pessoas já estão à espera deles.








- Os desenhos são sempre inéditos, ou seja, não é possível que sejam feitos por algum tipo de processo mecânico aperfeiçoado, que se pudesse repetir com rapidez e facilidade. A serem alguns tipos a querer enganar-nos, seria só por um extremo masoquismo e vontade de desperdiçar recursos que eles iriam optar por apresentar sempre desenhos novos, de grande complexidade e rigor.



- As plantações onde surgem os crop circles não são prejudicadas: as plantas permanecem vivas, produzem, não são destruídas e os terrenos são afectados. Nenhum processo mecânico conhecido pelo ser humano 

poderia replicar estes círculos de forma tão perfeita sem danificar as plantas. Esta é, efectivamente, uma das melhores formas de distinguir os crop circles genuínos das falsificações: as falsificações cortam as plantas, a ponto de as matar ou reduzem a sua capacidade de produzir colheitas.



- Nos círculos genuínos nunca se encontram rastos de pneus, nem marcas de cortes nas plantas, nem vestígios de combustível, nada que permita afirmar que tenha existido intervenção humana.

Os crop circles são avistados há mais de 130 anos, sempre com igual complexidade, rigor e beleza.



- Muitos dos círculos apresentam formas geométricas de grande precisão, resultando de apurados cálculos matemáticos. Por vezes encontram-se rigorosas apresentações de posicionamentos astronómicos, posições exactas de planetas no tempo, etc. Outras figuras apresentam efeitos visuais extremamente elaborados. 


- O processo pelo qual os abaixamentos das plantas são conseguidos, a fim de produzir o efeito visual que é observado, é através de “nós” nas plantas, que assim continuam a crescer, só que deitadas rente ao chão. A forma como esses nós aparecem nas plantas é um perfeito mistério para o actual conhecimento humano. 




Há, de facto, imensas teorias sobre a origem dos crop circles. Vejamos...


A mais famosa, não é piada nenhuma, é mesmo defendida por alguns estudiosos do tema, é a que defende que são um par de ingleses bêbados que fazem os círculos, com os seus tractores, de madrugada, quando ninguém vê… 
Há quem diga que são os militares… Militares de onde? Os crop circles aparecem em vários países, um pouco por todo o mundo. Com que objectivo? Para gastar dinheiro? Nunca se percebeu. Teoria muito rebuscada, sem dúvida.
Outros defendem que são abelhas ou gafanhotos ou outros insectos… Bem eu vou contar até três antes de responder… As belas das abelhinhas não têm mesmo mais nada que fazer que andar a fazer nós nas plantas, apresentando uma sabedoria digna dos maiores cérebros do planeta.

Alguns dizem que são provocados pelo vento… O vento de repente ganhou poderes de um deus, pelo menos no que à inteligência diz respeito. Há pessoas que entram em estado de negação, mesmo. No desespero de negar tudo o que não queiram admitir, simplesmente apresentam as teorias mais estapafúrdias. A do vento é simplesmente mirabulantemente genial.
Alguns dizem que serão manifestações de energia… Claro! Volta pai natal, que estás perdoado! Com teorias destas fica mais fácil acreditar em ti…


Parece uma justificação brilhante. Tipo… Não é possível que alguém consiga correr os 100 metros em menos de dez segundos. Porquê? Porque eu não consigo. Não é possível que um falcão consiga mergulhar sobre uma presa a mais de 300 km por hora. Porquê? Porque nenhum ser humano consegue. Não é lógico?
Medir os outros pela nossa própria bitola, justificar o que outros possam ou não fazer baseando-nos apenas na nossa própria tecnologia, visão do mundo e capacidades é tão errado que a própria ciência tem de rever o que considera impossível a cada dez anos.

-Esta teoria defende que os ditos desenhos são feitos por radiação eletromagnética de alta frequência e que é responsável pela formação dessas formas estranhas.

Depois existe a teoria que envolve os extraterrestres, os crop circles provávelmente serão feitos por " gente" de outros planetas, os chamados extra-terrestres, se assim for, qual será a mensagem?





Wiltshire, Inglaterra.

Domingo, 12 de agosto de 2001, e havia chovido bastante na noite anterior, quando foi descoberta o que é uma das mais belas e complexas imagens já desenhadas nas plantações inglesas. A imensa formação, composta de 409 círculos dispostos sobre 6 braços com um diâmetro de 240 metros, foi encontrada num campo de trigo chamado Milk Hill, que é o local mais alto da região de Wiltshire. Assim, este círculo passou a ser chamado de Milk Hill (também conhecido como: Milk Hill Galaxy).

O campo de Milk Hill não é visível de nenhuma estrada e, para chegar perto, as pessoas devem andar por cerca de um quarto de hora do local mais próximo de onde devem estacionar o carro.  

 Para os estudiosos, estes círculo é autentico por um simples motivo: para fazer esse desenho numa noite, seria preciso desenhar cada círculo em menos de um minuto cada e recordo que são  409. Lembre-se que agosto é verão na Inglaterra, e as noites tem em média 5 horas de duração.

Até 2013 nenhum grupo de pessoas assumiu sua autoria.

Mas é claro que sempre tem e terá quem diga que este círculo foi feito por humanos. O Gevaerd da revista UFO, lançou um concurso chamado "The Crop Circle Challenge 2013". Ofereciam-se 100 mil libras,  a quem conseguisse reproduzir a formação de Milk Hill em 7 horas e a equipa poderia ter até 13 pessoas. As inscrições começaram no dia 21 de abril e se encerraram no dia 21 e julho.

O resultado? Nenhum grupo de "Circle Makers", como são conhecidos os humanos que fazem os desenhos nas plantações se inscreveu! 

A única certeza que temos é que a formação de Milk Hill é única, imensa, complexa e ao que tudo indica uma prova de que estamos sendo visitados por seres de outros planetas. 



Imagens absolutamente com um grau elevadissímos de complexidade...impressionantes estas imagens de circulos (e outras formas geométricas) nas colheitas






Aqui fala-se do Insólito... mas também de outras coisas!   Até música pode ouvir.

 

Últimas páginas actualizadas:  Galeria Aéronautica,Músicas do meu mundo 2, Actualização de música nos Players, Coisas fantásticas, Fantasmas - Casos Diversos, Experiências de Quase Morte EQM's, Amigos com alma, Fenómenos & Situações Anómalas


Actualizado a 01Dez2014) 

[footer-script-0]